23 de nov de 2010

Olha lá

Poesia dedicada à inegavelmente linda Taynara Ambrósio. Anjo disfarçado de menina.




Imagem: twitpic da @keuazevedo - http://twitpic.com/39753e



Olha lá!
É isto, olha lá!
Lá mesmo, nesta direção
E na direção contrária
E em todo lugar!

Olha lá
A moça sai à pracinha
Voz e jeito de criança
Cabeça de um grande gênio
Maldade nenhuma no coração
E na mente, tantas idéias!

Olha lá
A rua é bonita
A casa também
Mais ainda ficam
Quando ela passa

Um tanto de luz a acompanha
Um tanto de divagações a quem assiste
Tantos apaixonados a seguem com os olhos...
E ninguém sabe ao certo
Quem mora em seu coração

Olha lá, ela me olhou!
E eu nem sei o que faço!
Só rir... E advertir-lhe que é linda.

Julho de 2010


10 comentários:

  1. Fernando Lago.
    Quanta honra, um post em seu blog dedicado a minha pequena pessoa! *-*
    Fico tão sem palavras diante desse seu ato, de bondade...
    Só tenho que agradecer, por tornar a minha vida, mais viva.
    Você e esse seu dom, de me animar sempre hein? obrigada, e não canso de lhe dizer: você é um gênio! s2s2

    ResponderExcluir
  2. Ouun, que meigo Feer, me veio uma imagem linda da Taynara *--* Belo rebento, bela homenagem :D

    ResponderExcluir
  3. De bondade não, Tay, de justiça! Você que é um gênio, sua linda!

    Sam, a Tay é um anjo. Toma cuidado com ela que ela é capaz de encantar as pessoas mesmo, viu! Ó praí, ó! Já tá te encantando...

    ResponderExcluir
  4. Muito bela a poesia, demonstra admiração sem maldade, como o querer bem, mas não querer pra si, e querendo pra si, sempre.

    Grande abraço.

    www.bloginoportuno.blogspot.com

    Bons Ventos!!

    ResponderExcluir
  5. Olha lá, corra e venha vê o céu, diria Cartola.Muitissimo interessante o seu blog. Sábio. Mas, estou aqui lhe convidando a visitar o meu blog, e se possivel seguirmos juntos por eeles. Estarei grato, esperando por vc, lá.
    Abraços de verdade

    ResponderExcluir
  6. Fernando, com certeza a Tay merece! Antes de postar isso e de ela postar o texto que ela pôs lá no blog dela, eu disse convicto que ninguém ia negar tal verdade. rs

    Zélio, obrigado pelo comentário! =) Gostei da definição!

    Zé Maria, obrigado. Assim que puder dou uma lida lá no seu blog.

    Lívia, se fui meigo, usei as mesmas armas da Tay rs A homenagem é merecida.

    Bia, obrigado! ;)

    ResponderExcluir

Pode se jogar, mas não esqueça a sua bóia, viu?