28 de fev de 2012

Somebody Samba

Imagem: Samba, de LAN (Lanfraco Vaselli)



Somebody
Me chamou pra sambar e
Cantar
Até o sol raiar
Fazer filosofia numa mesa de bar e
Se calhar
A antologia
De toda minha poesia
Recitar

Ela brincou de estrela na minha frente
Brilhou e iluminou a minha mente
Do amor que eu inventei comprou patente
Eu delirei
Com a loucura em seu olhar
Seu riso que me chamava pra dançar

O samba que eu cantei eu fiz pra ela
Quando ela atravessou a passarela
Eu lhe pisquei e ela nem deu trela
E eu fiquei
Com o olhar de abandonado
Pedindo aos céus pra tê-la ao meu lado

Ela pescou minha vida com um sorriso
Levou o que me sobrava de juízo
Passagem só de ida ao paraíso
Eu me joguei
Nos braços daquela morena
Que a nossa felicidade não seja pequena

Somebody
Me convidou pra sambar e
Ser feliz...

Fernando Lago – Fevereiro de 2012

2 comentários:

  1. Ai, que delicinha, Fernando!

    Ritmado e feliz. Adorei!

    ResponderExcluir
  2. Senti até uma musicalidade em sol. Lindo Fer!

    ResponderExcluir

Pode se jogar, mas não esqueça a sua bóia, viu?