6 de nov de 2008

Clássicos do 100 Ofensas 100 Vergonha

Como aqueles que me acompanham já sabem, o 100 Ofensas 100 Vergonha foi o meu primeiro blog, baseado em uma sessão do meu caderno em que eu satirizava as situações reais com frases alfinetadas... Minha visão crítico-política caiu muito de atividade a partir do segundo semestre de 2007; não sei que explicações se dariam para este acontecimento, mas o fato é que o 100 ofensas praticamente saiu de atividades. Uma vez que tenha gostado muito do trabalho feito anteriormente, transponho aqui algumas frases antigas, contidas neste quadro.

Julho de 2007 - Época do Pan

  • Ouço vaias... O Lula está por perto?
  • A voz do povo é a voz de Deus. Naquele tempo, deus disse a Lula: Uuuuuuuuh!
  • PAN em Brasília. Categorias: arremesso de maletas; corrida de "Pega-ladrão"; natação em dinheiro de verba pública; enchimento de cueca (com dinheiro, claro);hipismo com gado superfaturado; corrida de lobby; 100 milhões sem barreira; arremesso de pizza; e outras coisas do tipo...
  • No levantamento de peso, quem faz a cara mais feia ganha.
  • No basebol, quem cospe mais denso leva o ouro.
  • Já diz o ditado, quem com porcos se mistura joga basebol.
  • O basebol podia ser o esporte favorito dos brasileiros, já imaginou quão divertidas seriam as brigas de torcida?
  • O clima de Pan está mesmo mexendo com os brasileiros; até a Anac ganhou medalha...
  • Brasil, terra de tanta cruz...
  • Todos os seres humanos são iguais perante a lei, é claro que os senadores não são humanos, eles têm foro privilegiado...
  • Já tem gente dizendo por aí: " Minino, você viu a filha de fulana? Quebrou o decoro! Parecia uma moça tão direita...
  • Como os records, o decoro parlamentar é feito pra ser quebrado
  • Ai, ai, carrapato não tem pai, nem lobista pra pagar pensão...
  • Já tem cara chegando pra minina e dizendo: E aí, vamo fazer um lobby?
  • Dizia minha avó, quem não tem cão caça com o do lobista...
  • Por que falar tão mal do Brasil, um país organizado, onde todas as funções são bem divididas: O magnata rouba, a imprensa denuncia, a PF investiga (com uma daquelas operações de nomes criativos) e prende o indivíduo, e o juiz solta... Pra que mais organização num país?
  • A máquina administrativa do Brasil está quebrada e não tem mecânico...
  • A economia do Brasil não economiza nada
  • O pessoal da aviação do Brasil anda cada vez mais aéreo...
  • É uma pergunta que todo mundo devia fazer antes de entrar num avião: E se a ponte aérea quebrar?
  • Ainda não entendo, o brasil vai crescer pra cima ou pro lado?

Clássicos - Os primeiros motes

  • Se o Brasil mudou não levou bagagem.
  • Se o Brasil mudar, vamos parar no Paraguai.
  • Maior que a rivalidade entre Brasil e Argentina é a rivalidade entre Brasil e Paraguai na Foz do Iguassu (será que é assim mesmo que se escreve?).
  • Política é sempre igual. Maravilha pros governantes, uma porcaria para a oposição e o mesmo de sempre para o povo.
  • Quando é que o Brasil vai declarar a independência?
  • A independência é igual a filme de cinema em cidade do interior. D. Pedro fez o Independência e até hoje esperamos entrar em cartaz.
  • Xadrez é um jogo de estratégia. Mas ninguém gosta de ficar no xadrez. (essa é boa!)
  • A vida é um jogo onde a gente nunca ganha.

Agosto de 2006 - Após copa do mundo

  • O Brasil perdeu. E continua perdendo.
  • A França venceu o Brasil numa jogada sincronizada em que o Henry levantou o braço e deixou Roberto Carlos meio lezo.
  • A culpa foi do Roberto Carlos. É isso que dá ficar compondo no Campo. São tantas emoções!
  • A seleção (é com c ou com s?) tinha de fazer igual à frança: o negócio é apertar a marcação e o resto, Zidane!
  • Eu também entrei pra turma do zidane. Zidane o Ronaldinho, zidane o Ronaldo, Zidane o Cafú (com todo respeito - temos que respeitar a Terceira idade) Zidane o Parreira e assim sucessivamente, mas se quiserem esquecer o sucessivamente e zidanar tudo junto eu não ligo - É até melhor.
  • A seleção de Portugal perdeu por jogar muito na frente. Também, com um gaúcho no comando...
  • Portugal não chegou á final porque faltou um intérprete pro Felipão.
  • Na proxima copa eu vou torcer pro Tabajara
  • Nessa copa os brasileiros jogaram muito... Jogaram muito dinheiro fora comprando bandeirinhas, buzininhas, cornetinhas... (ô barulhinho infernal!)
  • A copa acaba e a tristeza de não poder mais matar o trabalho.
  • Na copa vale tudo. Até chingar a irmã dos outros pra receber uma chifrada.
  • Acho que o italiano chamou o Zidane de corno, porque ele armou logo os chifres...
  • Leitura labial. Veja o que o Matarazzi (esse cara é da máfia!) disse pro zidane: "Nostro sovacco ê mui mai fedorento que tuo!" Zidane não aguentou tal inverdade: "Nom ser Verrô" disse em italiano com sotaque francês.
  • O goleiro mais famoso nesta copa foi o da Costa Rica. Aonde eu ando na rua eu vejo gritar o nome desse cara. Se alguém tropeça numa pedra grita: Porras! se perde um jogo grita Porras! o cara é POP!
  • Sexta feira. Todos estão reunidos na sala. Não se escuta um pio na casa. Final de copa? Que nada! É o último capítulo da novela das oito!
  • É incrível como o brasileiro é tão besta a ponto de se deixar viciar por uma novela. E fica todo mundo feito um Zumbi na frente da Tv, todos os dias´`as nove horas. Exatamente agora. Agora? peraí eu estou perdendo? Não acredito!
  • Eu não sou viciado! só assisto pra analisar!
  • A terra santa não é mais tão santa.
  • Pra tirar Israel do seu pé o Líbano vai ter que resbolá (essa foi boa! Admita! você riu, não riu?)
  • Se você sente um vazio em sua vida, como se faltasse algo. Case-se com uma cozinheira.
  • Os homens se cazam com as moças para fazê-las mulheres. Mas, sabem como é que é. Hoje em dia o mundo evoluiu e as coisas já Vêm pronta de fábrica.

2 comentários:

  1. Lembro vagamente do espaço, passei por lá poucas vezes...

    Mas, gostei muito do post aqui...


    A melhor (irei pegar para mim):
    "Brasil, terra de tanta cruz..."

    Gosto muito da tua escrita, seu humor é raro.

    Já peguei a frase.

    Tamu junto

    ResponderExcluir

Pode se jogar, mas não esqueça a sua bóia, viu?